Domingo, 9 de Dezembro de 2007

Projecto Criarte / Memória dos Espaços - Síntese Histórica de Caneças

Por desanexação da freguesia de Santa Maria de Loures, através da Lei 413, de 10 de Setembro de 1915, foi criada a freguesia de Caneças.
Em 16 de Agosto de 1991, pela Lei 77, foi elevada à categoria de Vila.
Tem uma superfície de 5,9 quilómetros quadrados e cerca de 15.000 habitantes.
Em 19 de Novembro de 1998, por divisão administrativa, passa a pertencer ao novo Concelho de Odivelas.
Situada a norte do município de Odivelas, a freguesia de Caneças é delimitada pelas freguesias de Loures, Ramada, Famões, Casal de Cambra e Almargem do Bispo.
Segundo alguns autores, a povoação de Caneças foi fundada pelos árabes.
O topónimo deriva da palavra Caniça que significa templo dos cristãos.
A lenda popular, no entanto, é outra. Diz o povo que na passagem de D. Dinis, pela povoação, alguém lhe ofereceu água numa caneca, e daí a perpetuação do nome.
O povoamento da freguesia está registado através de diversas provas documentais dos mais longínquos povos.
Os Dolmens de Pedras Grandes e Batalhas, monumentos funerários de grandes dimensões, atestam à fixação do homem nestas terras desde o período megalítico.
Integram a história da freguesia, de forma importante, as inúmeras fontes que povoam o seu território. A qualidade e abundância das suas águas, levou à sua comercialização em bilhas de barro, muito famosas e procuradas até finais dos anos 60, em Lisboa.
As lavadeiras dos seus rios que lavavam a roupa que as freguesas davam ao "rol" deram origem à película cinematográfica, hoje imortalizada pelo cinema – Aldeia da Roupa Branca – rodada grande parte em Caneças.
É ainda de realçar as famosas quintas de Caneças.
De salientar que desde finais do século XVIII, Caneças foi procurada pelas suas águas, ares e frescura dos seus campos, como local de repouso e veraneio, determinando a criação de pólos de cultura e divertimento que ainda hoje perduram.
Tem início em Caneças a notável obra do Aqueduto das Águas Livres.

Em 1994 a Junta de Freguesia abriu concurso para a criação do Brasão e Bandeira, símbolo heráldico que veio a ser aprovado pelo Executivo em Julho e pela Associação de Arqueólogos Portugueses, em 31 de Outubro desse ano.

publicado por tecnicodesign10m às 16:38
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Projecto Criarte / Memóri...

. Projecto Criarte / Memóri...

. Projecto Criarte/Memória ...

. Projecto Criarte/Memória ...

. Projecto Criarte/Memória ...

. Criarte, Inovar os lugare...

. Cidades criativas

. A Casa da Juventude de Od...

. Visita de estudo à Exposi...

. Visita de Estudo ao Museu...

. Arquitectura e Humanismo

. Requalificação do espaço ...

. Criação

. Conceitos

. Constituição da turma

. Em construção

.links

.pesquisar

.arquivos

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.tags

. todas as tags